quinta-feira, 20 de setembro de 2018

Resenha Maluca por Você de Rachel Gibson.


Título: Maluca por Você.
Autora: Rachel Gibson.
Editora: Jardim dos Livros.
Número de páginas: 120.
Ano de lançamento: 2014.

Sinopse:
Um charmoso policial acaba de chegar à cidadezinha de Lovett, no Texas. Seu nome é Tucker Matthews. Tudo o que ele quer é um pouco de sossego e um lar pra chamar de seu. Seu e de Pinky, sua gatinha de estimação, deixada com ele por uma ex-namorada louca. Mas parece que Tucker tem sorte (ou azar) para mulheres doidas. Sua nova vizinha é ninguém menos que Lily Brooks, ou, a Maluca Lily Darlington, famosa na cidade pelos excessos do passado, como quando entrou com o carro dentro do escritório do ex-marido cretino. Fofocas à parte, Tucker não imaginou que no lugar da suposta barraqueira fosse conhecer uma baita mulher em seus trinta e oito anos, linda, inteligente, sexy e engraçada, que irá virar sua cabeça do avesso. Maluca por você é um romance apimentando e divertidíssimo! Você não vai conseguir parar de ler!

Opinião:

Admito que comprei Maluca por você achando que o livro era maior. Achei ele barato em um site de compras e como gosto das obras que já li da autora coloquei no carrinho.

Acontece que quando chegou achei muito pequeno (levem em consideração que esperava algo grande como os outros que tenho dela, haha), mas como tamanho não é documento e já li livros ótimos com 120 páginas (Stine, adoro!), pensei: É Gibson, deve ser bom e isso que importa.

Porém, não é muito bom não. Basicamente, é sexo e... sexo. A história deixa muito a desejar quanto aos personagens e não te faz mergulhar nela.

Mas vamos  lá...

Lily Brooks, também conhecida como a Maluca Lily Darlington, agora tenta ser uma mulher respeitável, com seu salão de beleza, e uma boa mãe para Pippen, tentando apagar o passado com seu ex e pai de seu filho, chamado Ronnie, que é um perdedor.

Atualmente, ela mora perto da mãe, Louella Brooks, que gosta de dar uma xeretada na vida dos outros e contar as novidades, e leva sua vida de forma pacata.

Contudo, tudo muda quando conhece seu vizinho Tucker Matthews, que se mudou para a casa ao lado junto com sua gata, chamada Pinky.

Então é óbvio que eles sentem uma atração irresistível e acabam fazendo coisinhas por aí, mas as escondidas, pois Lily quer manter a reputação de séria.

Assim, o livro conta sobre o romance deles, mas de forma tão rápida que não te convence que eles se apaixonaram. Parece que transaram, Tucker conquistou Pippen e deu, se apaixonaram.

Os personagens não foram aprofundados. Acho que alguns pedaços ficaram um pouco sem nexo e me senti decepcionada, pois não parecia a escrita da Rachel Gibson que consegue te comover com os romances.

Não é uma porcaria de livro, melhor deixar claro, quem gosta de livro com sexo e mais sexo vai apreciar, só que falta conteúdo para conquistar quem deseja mais do que isso.



Lily fechou os olhos e aspirou o perfume dos cabelos de Pippen. Ela cuidava para que o filho não precisasse ouvir coisas a respeito da mãe esquisita dele na escola. Sabia como era isso. E fazia um esforço muito grande para garantir que nunca o constrangeria e que ele nunca precisasse ouvir os colegas chamando a mãe dele de Maluca Lily Darlington.


Tucker havia dito várias vezes que a queria. Que queria tudo relacionado a ela, mas ele não sabia tudo sobre ela. ele não conhecia seu passado. Não sabia que as pessoas achavam que ela era maluca. Pelo menos, ela imaginava que, se soubesse, ele teria mencionado logo antes de fugir para as montanhas. Não seria ela que diria a ele.



Lily enfiou os óculos no rosto. Bem, era definitivamente o fim do mundo. Não era exatamente uma aprovação absoluta da mãe, pelo menos ela não o estava acusando de crimes contra a natureza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário