sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Resenha Eterna de C. C. Hunter.


Título: Eterna.
Saga: Acampamento Shadow Falls: Ao Anoitecer - Livro 02.
Resenha do livro anterior: Livro  I.
Autora: C. C. Hunter.
Editora: Jangada.
Número de páginas: 352.
Ano de lançamento: 2016.
Cortesia da editora.

Sinopse:
Justo quando Della estava começando a achar que tinha encontrado a sua tribo em Shadow Falls, sua vida vira do avesso novamente. Depois de ser vítima de um vírus mortal, ela precisa fazer a difícil escolha de ser uma Renascida, um tipo de vampiro mais forte e poderoso. Essa é a sua única chance de sobrevivência. Mas ela tem um preço: Della terá que ficar eternamente ligada a Chase. Será que a atração que ela começa a sentir por ele é real ou tem a ver com essa ligação? E o que acontecerá com Steve, o metamorfo? E se já não bastasse os problemas com o coração, enquanto Della investiga seu mais recente caso, ela descobre uma prova chocante de que seu pai está envolvido num crime do passado. Isso a faz questionar tudo o que acredita ser verdade, e o seu lugar num mundo que ela pensava conhecer tão bem.

Opinião:

No primeiro livro Della se tornou uma Renascida (um vampiro com características apuradas) e ficou ligada eternamente a Chase, um vampiro misterioso que adora esconder coisas dela e por quem ela sente uma certa atração.

Ocorre que Della está decidida a não gostar de Chase e nem deixar que isso interfira na sua relação com Steve, o metamorfo sexy e adorável com quem ela estava começando um relacionamento.

Além das questões amorosas, Della tem que se preocupar com o sepultamento do seu primo Chan e com a visão que teve sobre dois vampiros, Natasha e Liam, trancados em algum lugar, sobrevivendo bebendo o sangue um do outro.

Para piorar Chase tem a mesma visão e eles tem que trabalhar juntos no caso, o que não agrada em nada Steve. Dificultando mais as coisas, Della tem que descobrir a respeito do passado de seu pai e ver se ele é um assassino ou se quem cometeu o crime foi seu tio, que ela acredita ser um vampiro.

O livro tem 352 páginas, mas narra poucos dias da vida de Della que são repletos de aventuras e confusões. Me deixa meio abismada como a autora pode colocar tantas informações em poucos dias. Algo certo é que a vida de Della não é nem um pouco calma.

Normalmente tenho uma mania de escolher no início da obra por qual casal vou torcer, ou seja, quando existe um triângulo no começo eu decido que vou torcer por aquela pessoa e assim vou até o final. Ocorre que nesse triângulo Steve x Della x Chase não consegui escolher. Os dois tem seus atrativos, qualidades e defeitos e embarquei nessa aventura com Della de descobrir qual é a pessoa certa para ela.

Outra coisa que adoro é a relação complicada que ela tem com a família em decorrência das mudanças que teve após ter se transformado (a família dela não sabe que ela é vampira, então acha que Della anda se drogando, entre outras coisas), que reflete bem como é problemático as relações familiares. No caso de Della, é mais complicado por seu pai ser oriental e achar que por ter filhas mestiças essas tem que provar que estão a altura da cultura dele e serem perfeitinhas.

Já a amizade entre Della, Kylie e Miranda demonstra ser forte e duradoura. Nesse segundo livro achei que elas aparecem menos que no primeiro, mas estão sempre lá pela amiga.

Vale lembrar ainda que o caso da Natasha e Liam está relacionado de alguma forma com Della e vão te dando pistas no decorrer da obra para descobrir a ligação. Então fiquem atentos. Ainda, há pistas de onde estão Natasha e Liam, é só prestar atenção, eu mesma descobri antes de Della, rsrs.

Por fim, achei a capa maravilhosa e é uma pena que não de para vocês verem pessoalmente no momento, pois dependendo da posição em que ela fica brilha mais.


Às cinco da manhã, o celular apitou novamente. Não era o fantasma. A mensagem era simples. Sinto sua falta, Steve.
Ficou em dúvida se ligava de novo, mas então percebeu que isso a magoaria muito. Se a mãe não se dava ao trabalho de ligar de volta, Della não ligaria também.

- Prometo - disse Della, percebendo que a promessa não incluía confiar no garoto. Tudo o que ela tinha prometido era tentar descobrir se Chase era um sapo ou um príncipe. E daí se ele fosse um príncipe? Aquilo não significava que ele era o príncipe dela.
- Acho que não. Prefiro ficar aqui, com vocês duas falando de fantasmas, do que sozinha lá dentro sabendo que vocês estão aqui falando de fantasmas. Minha imaginação pode ser mais assustadora do que a verdade.
- Você sabe, eu "adoraria" passar algumas horas falando do meu drama familiar, mas não temos tempo. - Para ser sincera, ela só desabafava suas amarguras com Kylie e Miranda. E só Deus sabia quanto precisava de seu tempinho com elas agora, em volta da mesa, tomando uma Coca Diet.
- Encontrar respostas. Respostas que você não está me dando. - A acusação era explícita em seu tom de voz. Ela colocou as mãos nos quadris e olhou para ele. Estranhamente, ela tinha se esquecido de como ele era alto. Assomava-se sobre ela. Della não estava acostumada a se sentir pequena ou feminina, mas a presença dele fazia isso. 
Clique na imagem para aumentá-la.

6 comentários:

  1. Que lindo esse livro, não tinha lido nenhuma resenha ainda, adorei msm! Cape e enredo maravilhosos! Eu qrooo!
    Amei os quotes tbm!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. Cath!
    Não conhecia a série, porém como gosto de livros com vampiros e sabendo que o mesmo é bem movimentado como esse, fiquei interessada por conhecer um pouco mais sobre a história de Della...
    “Deus com Sua infinita Sabedoria, escondeu o Inferno no meio do Paraíso para que nós sempre estivéssemos atentos.” (Paulo Coelho)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de SETEMBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  3. Olá,mesmo não dando para ver o brilho da capa,achei linda!
    Não sabia dessa série,e gostei do que li. Apesar de histórias sobre vampiros estarem bem saturadas,esses personagens sempre me fascinam.

    Gostei muito da dica,já que não sabia nadinha sobre os livros. :)

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Gosto muito de histórias com vampiros, então essa me atraiu bastante. No entanto, sempre fico com um pé atrás quando envolve um triangulo amoroso, principalmente porque os autores raramente sabem desenvolver isso. De qualquer maneira, gostei da ideia da serie. A capa não me deu a ideia do que a história se tratava, então ela não me atraiu tanto... Otima resenha.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá.
    Já conhecia a série, porém ainda não li. A sinopse é muito interessante, gosto desse tema. Sua resenha está muito bem explicada e me motivou a conhecer mais dessa história e personagens. Obrigada. Beijos.

    ResponderExcluir