sexta-feira, 4 de março de 2016

Cine FB: O Quarto de Jack.


Título: O quarto de Jack.
Duração: 1h58min.
Lançamento: 18 de fevereiro de 2016.

Sinopse:
Joy (Brie Larson) e seu filho Jack (Jacob Tremblay) vivem isolados em um quarto. O único contato que ambos têm com o mundo exterior é a visita periódica do Velho Nick (Sean Bridgers), que os mantém em cativeiro. Joy faz o possível para tornar suportável a vida no local, mas não vê a hora de deixá-lo. Para tanto, elabora um plano em que, com a ajuda do filho, poderá enganar Nick e retornar à realidade.
Opinião:

Joy foi sequestrada, quando tinha dezessete anos, pelo Velho Nick, que fingiu que seu cachorro precisava de ajuda para que ela fosse auxiliá-lo. Logo depois ele a prendeu em uma cabana no quintal dos fundos da casa dele.

O filme começa sete anos depois, agora Joy tem um filho de cinco anos com o Velho Nick, chamado de Jack. A cabana passa a ser o quarto de Jack e é somente esse local que a criança conheceu na sua vida toda.

Jack acredita que todas as coisas que passam na televisão são invenção. Crê que não há nada além do seu quarto, mas após o aniversário de cinco anos dele, Joy decide que é hora de tentarem escapar, já que agora Jack tem idade para ter um pouco de noção das coisas, então conta a verdade a ele que demora a aceitá-la.

Metade do filme se passa com eles na cabana e tentando sair de lá e a outra metade decorre após a saída do local, mas não pense que por isso se torna tediante, nada disso.

A obra te deixa angustiada o tempo todo, até o final. Você fica nervosa pelo ambiente em que vivem no início, depois esperando que eles consigam fugir e posteriormente para se adaptarem ao mundo fora da cabana.

Admito que, antes de assistir ao filme, pensava que Jack era apelido para o nome de uma garota, pois o personagem dele tem cabelos compridos por boa parte do filme e eu achei, vendo o trailer, que era do sexo feminino.

Cabe salientar que atriz Brie Larson ganhou o Oscar 2016 por sua atuação nesse filme, embora a atuação dela esteja incrível, você acompanha mais o Jack no decorrer da obra.

Gostei porque eles não se limitaram a fazer um filme mostrando o sequestro. Mostraram o depois, o quanto é difícil retornarem a sociedade, pois enquanto você é prisioneira tem um objetivo, quando consegue a liberdade vê que perdeu anos da sua vida e se sente sem rumo. É essa a sensação que o filme passa.

O filme é baseado no livro "Quarto", da autora Emma Donoghue, o qual não li, mas dizem que é do mesmo patamar do filme. Tem até uma tirinha rolando no Facebook que diz que era esperado que o livro fosse melhor, mas que o filme está do mesmo nível.

Recomendo assistirem ao filme, mas alerto que passei o tempo todo me sentindo agoniada, pois você se sente na pele dos personagens.

21 comentários:

  1. Louca para ler esse livro, desejo ler antes que lancem o filme

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O filme foi lançado em 18 de fevereiro, como escrevi acima. ;)

      Excluir
  2. Olá!
    Eu gosto desse tipo de filme que deixa a gente com o coração na mão. A história me interessou. Vou procurar ler o livro primeiro.
    Beijos!
    http://ymaia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu admito que não me interessei por ler o livro. Acho que se o filme é assim o livro ia me deixar pirando, então, kk.

      Excluir
  3. Tô doida pra assistir esse filme!
    É uma pena que eu só tenha vindo a conhecer o livro após a estreia do filme, pois agora já era, tô muito ansiosa pra assistir. :( hahahah

    Mago e Vidro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também só assisti o filme e acho que não lerei o livro, kk.

      Excluir
  4. Não li o livro ainda e nem vi o filme, e esta sensação que você teve, outras pessoas já me alertaram sobre ela. Acho que isso foi intencional, afinal estar no corpo de um personagem deixa tudo mais real.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  5. Ai, nossa, quero muito assistir o filme mas não quero me sentir na pela dos personagens não kkkkkkkkkkk Nunca tinha lido uma postagem tão sincera sobre O Quarto de Jack, mas mesmo assim acho que vou arriscar! Não sei se irei dar conta, mas vou tentar. Abraços :)

    ResponderExcluir
  6. Cath!
    Gostaria muito de assistir o filme e ler o livro para entender porque tudo acontece dentro de um quarto e ficam lá tanto tempo.
    “Um amor, uma carreira, uma revolução: outras tantas coisas que se começam sem saber como acabarão.” (Jean-Paul Sartre)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de março com 4 livros 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  7. Oiie! Aaah qro assisti logo! Ma primeiro quero ler o livro tbm, pra ter mais detalhes ... Adorei a sinopse do filme! Bjs!

    ResponderExcluir
  8. Quero muito assistir o filme e ler o livro, e fico feliz em saber que os dois estão no mesmo patamar. Estou tão acostumada ao livro ser melhor, e em algumas ocasiões o filme ser melhor. É bom saber que fizeram tudo bem feito, e a atriz ganhou o Oscar.

    Abraços :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, não li o livro, mas pelo que dizem está no mesmo nível.

      Excluir
  9. To muuito curiosa pra ver esse filme, mas pretendo ler o livro antes, já li várias resenhas e já me apaixonei pela história parece ser impactante e emocionante.

    ResponderExcluir
  10. Meu Deus sério que o lançamento do filme foi em 2016? Pensei que era um pouco mais velho haha, nossa.
    Não vi o filme muito menos li o livro, porém a resenha me deixou na curiosidade que com toda a certeza verei ele em breve. Espero que o filme mate as minhas dúvidas haha.
    Nossa, fiquei com uma dó da criança, imagine como ficou a cabeça dela quando ela finalmente conseguiu sair do quarto com sua mãe, quando viu a luz do dia? Sério que ele é menino? Mds eu jurava que fosse uma menina pela foto, até achei estranho o fato do nome ser Jack.
    Vendo que a atriz ganhou um oscar pelo filme já vemos o qual incrível deve ser o filme, agora que estou mais animada para vê-lo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério, haha.
      Eu também achava que era uma menina, haha.

      Excluir
  11. Oi!
    Conhecia o filme pelo Oscar e achei a historia bem interessante e quando vi o trailer parece ser bem emocionante, umas das coisa que também achei interessante foi mostrar essa readaptação do Jack e de sua mãe depois que saem do cativeiro e quero assisti esse filme !!

    ResponderExcluir