terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Lançamentos L&PM Editores.

Oi.


Simeon, o patriarca dos Lee, resolve convidar todos os filhos para comemorar o Natal na luxuosa mansão da família. É hora de eles deixarem os ressentimentos de lado e visitarem o velho pai. Mas aparentemente as intenções de Simeon não são nobres. Ele quer se divertir às custas do ganancioso grupo de familiares. Tudo começa com algumas alterações em seu testamento... e termina com um assassinato, em um quarto trancado por dentro. Quando Hercule Poirot oferece ajuda para solucionar o caso, encontra uma atmosfera não de luto, mas de suspeitas mútuas. - Número de páginas: 240.



O luxuoso restaurante Luxembourg é o lugar escolhido para comemorar o aniversário da linda e elegante Rosemary Barton. Entre os seis convidados, encontram- se pessoas próximas, mas que não necessariamente querem o seu bem. Mesmo assim, ninguém poderia prever o desfecho da noite: Rosemary morre subitamente após ingerir uma taça de champagne com cianureto. Tudo indica que foi um suicídio... Em um inusitado jogo literário, a rainha do suspense dá a cada um dos personagens a chance de contar sua versão daquele dia, levantando suspeitas que podem colocar em xeque a razão da morte de Rosemary. - Número de páginas: 248.



Lymstock é uma pacata cidade no interior da Inglaterra e parece ser o lugar perfeito para Jerry Burton se recuperar de um acidente. Tudo o que ele precisa está lá: ar puro e a paz da vida rural. Mas a calma que paira no ambiente dá espaço à desconfiança quando cartas anônimas grosseiras e acusadoras começam a circular entre os habitantes. Os vizinhos passam a desconfiar uns dos outros, e Lymstock se torna um lugar sombrio. O clima de suspeita e terror cresce quando um dos destinatários comete suicídio. Por sorte Miss Marple está na região: ela parece ser a única pessoa capaz de resolver este fascinante mistério, considerado por Agatha Christie uma de suas melhores histórias. - Número de páginas: 224.


Aproveitem para ler e assistir a adaptação cinematográfica do livro Carol:


Um thriller sobre o amor proibido entre duas mulheres. Therese Belivet vê
Carol Aird pela primeira vez em uma loja de departamentos de Nova York, onde trabalha como vendedora. Carol está escolhendo um presente de Natal para a filha e resplandece numa aura de perfeita elegância. Observando-a do balcão, Therese está inteiramente despreparada para o choque de uma epifania erótica e para um amor que será imediatamente condenado por todos. Pois a vida de dona de casa suburbana de Carol é tão imbecilizante quanto o emprego de Therese, e ambas partem para uma jornada sem volta. Segundo romance de Patricia Highsmith (1921-1995) a ser publicado, esta história de obsessão e libertação sexual é um dos mais importantes romances de língua inglesa do século XX, embora ainda não totalmente reconhecido. Trata-se claramente do primeiro livro de prestígio a abordar o lesbianismo com certa naturalidade, sob uma atmosfera de suspense que caracteri­za todos os trabalhos da autora, mas também com direito a diálogos francos, um humor emotivo e personagens enternecedores. Um clássico contemporâneo que cativou milhões de leitores desde sua publicação, em 1952, sob o pseudônimo de Claire Morgan. A capa desta edição de Carol  traz a imagem do filme homônimo de Todd Haynes que tem Cate Blanchett e Rooney Mara nos papéis principais. O filme estreia no Brasil em janeiro de 2016 e é um forte concorrente ao Oscar.



5 comentários:

  1. Olá,

    Já li o livro O Natal de Poirot da Agatha e achei incrível, fiquei feliz em saber que foi lançado Um Brinde de Cianureto e A Mão Misteriosa, estou super animada para começar a ler esses livros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu li muitos livros da Agatha na infância/adolescência, tenho que voltar a ler, pois não lembro bem da maioria.

      Excluir
  2. Respostas
    1. Eu lembro que adorava. Mas como faz tempo não lembro os detalhes dos livros, com exceção do Mistério dos Sete Relógios que é meu preferido.

      Excluir
  3. Cath!
    Maravilha os livros da Ágatha!
    “ Educação é uma coisa admirável, mas é bom recordar que nada do que vale a pena saber pode ser ensinado.” (Oscar Wilde)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir