sexta-feira, 24 de julho de 2015

Cine FB: Divertida Mente.




Olá, leitores e amigos queridos! Aqui estou eu para mais uma indicação de filme e dessa vez, venho com uma animação da Disney-Pixar que está conquistando muitos corações, não só de crianças, mas também de muitos adultos. No elenco de dubladores brasileiros temos Miá Mello ("Meu passado me condena" e "Cilada.com"), Octaviano Costa (Novelas "Caras e Bocas" e "Salve Jorge"), Dani Calabresa ("Cilada.com" e "A Esperança é a Última que Morre"), Léo Jaime ("As Sete Vampiras" e "O Escorpião Escarlate") e Katiuscia Canoro ("Zorra Total" e "E Aí... Comeu?"). Durante o planejamento do filme, os roteiristas consideraram até 27 emoções diferentes, como Surpresa, Orgulho e Confiança, mas a fim de deixarem o filme menos complicado, acabaram optando por apenas cinco. Segundo o diretor, cada emoção tem um "feição" bem característica, sendo Alegria uma estrela, a Tristeza, uma lágrima, a Raiva é um tijolo, a Nojinho é um brócolis (o que marca bastante o desgosto da Riley pelo vegetal) e o Medo é um nervo exposto. A ideia do filme surgiu após Pete Docter (o Diretor) observar o crescimento da própria filha. Pasmem, Divertida Mente demorou cerca de cinco anos e meio para ficar pronto! Outro fato bem interessante é sobre a origem das personalidades de cada emoção: Elas foram baseadas nos anões de Branca de Neve.

Sinopse
Riley é uma garota divertida de 11 anos de idade, que deve enfrentar mudanças importantes em sua vida quando seus pais decidem deixar a sua cidade natal, no estado de Minnesota, para viver em San Francisco. Dentro do cérebro de Riley, convivem várias emoções diferentes, como a Alegria, o Medo, a Raiva, o Nojinho e a Tristeza. A líder deles é Alegria, que se esforça bastante para fazer com que a vida de Riley seja sempre feliz. Entretanto, uma confusão na sala de controle faz com que ela e Tristeza sejam expelidas para fora do local. Agora, elas precisam percorrer as várias ilhas existentes nos pensamentos de Riley para que possam retornar à sala de controle - e, enquanto isto não acontece, a vida da garota muda radicalmente.

Primeiras impressões
Divertida Mente faz jus à sua brincadeira ortográfica, por ser realmente um filme bem divertido (não menos do que se espera de uma animação Disney-Pixar!). O longa conta a história da garota Riley e - literalmente - o que se passa na cabeça dela, sendo o verdadeiro começo da trama, quando ela e a família se mudam para São Francisco. Ao mesmo tempo, por um erro inocente de Tristeza, ela e Alegria acabam saindo da sala de controle, e para voltarem a consertarem as besteiras e Nojinho, Raiva e Medo causaram, elas precisam passar por áreas perigosas do cérebro de Riley.

Filme absurdamente lindo, super me identifiquei com a Alegria (quem mais poderia ser, né? Haha) e amei o "choque de realidade" que ela leva no final, o que me fez chorar absurdamente. Os estúdios de animação mais uma vez trouxeram um filme que não é apenas para as crianças... Na verdade, eu acho que muitos pais gostaram mais que seus filhos, sem contar que uma das principais lições é, de fato, para os mais velhos: Ouçam o que os seus pequenos tem a dizer e o que eles sentem, se não, quando tentarem, pode ser muito tarde.

Indico para todos, de todas as idades. Sem dúvidas Divertida Mente entrou para a minha galeria de desenhos preferidos, com seu humor e sua linda história.








2 comentários:

  1. Ai Bia!
    Estou querendo muito assistir esse filme, adoro os desenhos da disney e gosto de rir, portanto, a expectativa é grande.
    Valeu a dica!
    “Tudo vale a pena quando a alma não é pequena.”(Fernando Pessoa)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participe no nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir
  2. Esse filme promete ser exatamente o que o nome diz, divertido. Muitas pessoas me disseram que é um filme ótimo, sem falar que a animação é super fofa. Estou ansiosa para assistir!

    ResponderExcluir