quinta-feira, 10 de julho de 2014

Resenha Pique-Susto.


Autor: R. L. Stine.
Coleção: Fantasmas da Rua do Medo.
Editora: Rocco.
Numero de páginas: 116.
Ano de Lançamento: 2002.
Compre: Saraiva.


Sinopse:


O cemitério da Rua do Medo não era o melhor local para qualquer tipo de brincadeira. Mas foi justamente lá que Mila se viu convidada a participar de um arrepiante jogo de pique-susto para celebrar o aniversário de Pepeu. O jogo era uma tradição naquela cidade. E Mila não poderia faltar. Mas quem era Pepeu e por que todos estavam tão assustados? O que aconteceria de tão especial no aniversário dele? Estava tudo muito esquisito naquele lugar. A nova escola, os alunos, a forma como todos se comportavam, sempre esquivos e sussurrando pelos corredores, como se estivessem escondendo um terrível segredo. E que segredo seria esse? Mila tinha até medo de parar para pensar.Brincar de pique-esconde, mesmo perto do cemitério, não poderia ser tão perigoso assim. Atônita, logo descobriu que o parceiro do pique-esconde era simplesmente um fantasma. Piores ainda eram as condições da brincadeira. Se ela fosse pega, perderia mais que um simples jogo e poderia transformar-se no mais novo fantasma da Rua do Medo. 

Opinião:

A coleção “Fantasmas da Rua do Medo” é feita de livros independentes, não repete personagens, então pode pegar qualquer um deles para começar, pois não fará diferença.

Minha adoração pelos livros do Stine não é segredo e “Pique-Susto” consegue juntar a leveza da escrita com aquela emoçãozinha de querer saber o que irá acontecer na próxima página, além de ser um exemplar curto, com 116 páginas.

Mila se mudou para a Rua do Medo a pouco tempo e logo no seu primeiro dia na escola percebe que todos estão ansiosos por um acontecimento em especial: o aniversário de Pepeu.Só que ninguém quer contar quem é realmente Pepeu. O que acontece nesse aniversário? E porque as pessoas tem receio?

Aos poucos, Mila se vê metida numa situação sobrenatural em que parece que conseguiu atrair a atenção de Pepeu.

É uma leitura leve, mas que é bem estruturada, pode ser feita em horas. Mila é uma adolescente e age coerentemente com a idade, então o linguajar do livro é bem simples, podendo ser lido tanto por crianças até adultos.

Eu me peguei e cheia de dúvidase desconfiando das pessoas junto com a Mila. Mesmo sendo uma história simples consegue te conquistar e te deixar querendo mais, você nunca sabe em quem confiar e às vezes deseja dizer para Mila não fazer aquilo...

Se você gosta de livros curtos, mas bem coerentes, “Pique-Susto” é ideal.



Alarmes soaram na minha cabeça. Dispararam como alarme de um despertador que aumentava de intensidade em meu cérebro até parecerem sirenes de um esquadrão de policia.

Um comentário:

  1. Eu gosto de livros de mistério e esse me pareceu legal. Já conhecia a série. Os livros são curtos, mas acho que isso não prejudica a qualidade delas. Adorei a resenha. Beijos!

    http://ymaia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir