quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

Lançamentos: Grupo Editorial Pensamento.

Olá. =)
Vamos começar o dia para os dorminhocos conferindo os lançamentos da nova parceria aqui do FB, o Grupo Editorial Pensamento.
E depois me falem de qual/quais gostaram!


Filme vencedor do 71º Globo de Ouro e indicado para o Oscar 2014 em 24 categorias, é adaptação de livro que será publicado este trimestre pela Seoman. 12 Anos de Escravidão é um livro de memórias angustiantes sobre um dos períodos mais sombrios da história norte-americana. Ele relata como Solomon Northup, nascido um homem livre em Nova York, foi atraído para Washington, D.C., em 1841, com a promessa de um emprego, e então drogado, espancado e vendido como escravo. Ele passou os doze anos seguintes de sua vida em cativeiro, trabalhando, na maior parte do tempo, em uma plantação de algodão em Louisiana.
Após seu resgate, Northup escreveu este registro excepcionalmente vívido e detalhado da vida escrava. Tornou-se um sucesso imediato e, hoje, é reconhecido por sua visão incomum e eloquência, como um dos poucos retratos realmente fiéis da escravidão americana, redigido por alguémtão culto quanto Solomon Northup — uma pessoa que viveu sua vida sob a óptica de uma dupla perspectiva: ter sido tanto um homem livre como um escravo.
Nas telinhas do Cinema, Solomon Northup será interpretado pelo ator Chiwetel Ejiofor e Brad Pitt interpretará o abolicionista canadense que ajudou Solomon a reconquistar sua liberdade, além de ser o produtor do filme.
Um relato surpreendente de um importante período, que conta em detalhes históricos, os perigos, os horrores e humanidade da vida de um grande número de escravos.
Uma peça inestimável da História: as memórias de Solomon Northup.



Atualmente é grande o número de crianças cujo contato com a natureza é escasso, quando não inexistente. Esta falta pode ser a causa de inúmeras doenças: obesidade, desequilíbrio no biorritmo, problemas motores e de linguagem, asma, estresse, agressividade, hiperatividade, depressão. As crianças precisam da natureza para se desenvolverem de uma forma mais saudável em todos os níveis: físico, emocional, mental, social e espiritual. Neste livro, Heike Freire define de uma maneira simples e inteligente a problemática enfrentada pelas crianças, e oferece meios para que restabeleçam o contato com a Mãe Natureza e estratégias para que aprendam os ensinamentos dela.




Este livro traça um quadro do caráter lógico da pesquisa científica, quadro que faz plena justiça à revolução "einsteiniana" na Física e ao seu enorme impacto sobre o pensamento científico em geral. Aqui não se apresenta a ciência como empenhada em fabricar engenhocas ou em coletar informações para correlacioná-las por via de processos dedutivos ou indutivos. Ela é apresentada, antes, como uma tentativa de formular uma teoria do mundo com base em conjecturas, disciplinada por uma crítica penetrante. A edição traz o texto integral da obra, sem cortes, razão pala qual constitui leitura para estudantes e estudiosos de Lógica e Filosofia da Ciência. 




Notker Wolf comenta de forma leve e bem-humorada, pequenos acontecimentos da vida cotidiana, fatos da atualidade ou experiências pessoais, de onde extrai lições e ensinamentos valiosos. São inspirações repentinas de momentos de silêncio ou observações casuais do dia a dia, intuições do viajante do mundo ou do abade primaz, a quem as pessoas confiam suas histórias e suas preocupações. Esta obra trata de uma grande variedade de temas da atualidade: fidelidade e solidariedade, a falta de sentido na vida, o mau hábito de nos queixarmos de tudo, o abuso do álcool entre os jovens, a importância da oração, a incrível força da fé, etc. Na opinião de Wolf, tudo é possível se tivermos um bom fundamento para nossa fé, e o melhor fundamento que ele conhece é a fé em Deus.



Arte e religião estão intimamente interligadas na história da cultura japonesa. Os arranjos florais obedecem a normas que não constituem uma arte no seu verdadeiro sentido, mas são expressão de uma experiência de vida muito mais profunda. A ikebana, palavra que pode ser traduzida como "a arte de conservar as plantas vivas em recipientes com água", inclui o voto de amar as flores como seres vivos e de cuidar delas com bondade. Até a água com que as regamos deve ser vertida com a consciência da responsabilidade que temos de nos proporcionar um vislumbre da beleza e do segredo da vida. Praticado com a adequada disposição de espírito, o culto das flores é um dos caminhos mais harmoniosos para se chegar ao conhecimento de si mesmo e para a aquisição de uma consciência elevada que transcenda todo pensamento racional e utilitário. Afinal, como diz Bokuyo Takeda, mestre de Gusty Herrigel, "o homem e a planta são mortais e mutáveis; o significado e a essência do arranjo floral são eternos".



Uma análise bem-humorada do signo de Aquário. As informações precisas deste livro vão ajudar você a evitar erros comuns com relação a este penúltimo signo do Zodíaco e a elaborar com facilidade um mapa astral. Descubra como encontrar os pontos principais que o levarão a compreender melhor os aquarianos, aproveitando o melhor que esses nativos têm a oferecer. Com base em suas centenas de clientes e usando exemplos da vida real, Mary English nos oferece informações surpreendentes e mostra "Como se Relacionar com um Aquariano".






Você já se perguntou o que acontece na cabeça de um pisciano? Já enfrentou o desafio de lidar com um deles? Está cansado de tentar fazer com que um pisciano entenda você? As informações precisas deste livro vão ajudar você a evitar erros comuns com relação a este último signo do Zodíaco e a elaborar com facilidade um mapa astral. Descubra como encontrar os pontos principais que o levarão a compreender melhor os piscianos, aproveitando o melhor que esses nativos têm a oferecer. Com base em suas centenas de clientes e usando exemplos da vida real, Mary English nos oferece informações surpreendentes e mostra ― Como Sobreviver a um Pisciano.

7 comentários:

  1. Não são livros que me chamaram a atenção, não fazem meu estilo de leitura =/

    Meu Mundo, Meu Estilo
    Participe do TOP Comentarista de Fevereiro

    ResponderExcluir
  2. Os livros da editora não fazem o meu gênero literário, nenhum chamou a minha atenção!

    ResponderExcluir
  3. Não curto muito o gênero que a editora publica, mas alguns títulos chamam muito a minha atenção, como por exemplo 12 anos de escravidão,quero se possível ler o livro e ver o filme. Parecem ser muito bons :)

    ResponderExcluir
  4. Também não faz muito o meu gênero os livros da editora, entretanto, 12 anos de escravidão deve ser uma leitura maravilhosa, já que o filme é muito bom.

    ResponderExcluir
  5. Infelizmente não me interessei por nenhum dos títulos, mas para quem gosta deste estilo deve ser uma ótima dica de leitura! :)
    beijos ♥

    ResponderExcluir
  6. só temlivros bons..me interessei por 2..vou procurar mais sobre eles!

    ResponderExcluir
  7. Não me interessei muito pelos livros, já que a editora não tem publicações do gênero que eu gosto. No entanto, 12 anos de escravidão parece ser um livro bem denso e interessante para quem gosta do tema.

    ResponderExcluir