segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Resenha: O Projeto Rosie.


O Projeto Rosie



Título: O Projeto Rosie
Autor: Graeme Simsion
Editora: Record
Páginas: 320
Onde comprar: Link.
Sinopse: Para se ter a vida de Don Tillman, não é preciso muito esforço. Às terças-feiras come-se lagosta com salada de wasabi (seguindo um roteiro com refeições padronizadas que evitam o desperdício de ingredientes e de tempo no preparo); todos os compromissos são executados de acordo com o cronograma – alguns minutos reservados para a prática do aikido e do caratê antes de dormir; uma hora para limpar o banheiro; três dias da semana reservados para suas idas à feira – e se, apesar dessa programação, algum desagradável contratempo surgir em sua rotina, não há nada que não possa ser solucionado com meia hora de pesquisa científica.Exceto as mulheres.Até o momento, a única coisa não esclarecida pelos estudos no campo de atuação de Don, a genética, é o motivo para sua incapacidade de arrumar uma esposa. Uma namorada ao menos? Ou até mesmo uma amiga para somar ao seletogrupo de amigos de Don, formado por Gene, também professor na universidade, e a mulher dele, Claudia, psicóloga e esposa muito compreensiva.Para solucionar esse problema do modo mais eficaz, Don desenvolve o Projeto Esposa, um questionário meticuloso que irá ajudá-lo a filtrar candidatas inadequadas a seu estilo de vida: fumantes JAMAIS, e mulheres que se atrasam por mais de cinco minutos ou que usam muita maquiagem estão fora dos critérios pouco flexíveis que o levarão à mulher ideal.O único problema é que um questionário desse tipo exige tempo e dedicação, duas coisas que começaram a diminuir exponencialmente no cotidiano de Don desde que ele conheceu Rosie: fumante, vegetariana e incapaz de chegar na hora marcada. Ou esse era o único problema até Rosie entrar na vida de Don e – despretensiosamente, uma vez que ela nunca se candidatou ao Projeto Esposa – mostrá-lo que a mulher ideal não existe, mas o amor, sim.
Don Tillman é um professor doutor em genética de 39 anos, mas o que realmente chama atenção nele não é sua carreira bem sucedida , nem o fato de não ser casado. Don só tem dois amigos: Gene professor doutor dodepartamento de psicologia  e sua esposa uma psicóloga também. Isso por si só não é lá muito normal, mas o que o destaca de outros é sua personalidade.

Sua vida se resume á varias  atividades previamente programadas, um cardápio que se repete semanalmente para evitar desperdícios, pesquisas no trabalho e, claro, interações falhas com as pessoas principalmente com as mulheres.

A personalidade única de Don quero dizer ele é o tipo de pessoa que não possui nenhum traquejo social. Comunicar-se com os outros é uma tarefa bem complicada para ele já que, em função de sua grande inteligência, isso faz com que seja impossível pra ele agir de acordo com instintos que temos como naturais. Nosso professor divaga muito sobre cada pequena coisa.

Tudo na vida de Donald Tillman tem que ser complicado ele acaba tendo uma ideia submeter mulheres que se mostrem dispostas a ter um relacionamento com ele a um questionário cujas perguntas ele criou. Assim ele poderia não perder tempo com aquelas que, de maneira alguma, seriam boas companheiras em seu ponto de vista.

 Sem obter qualquer resultado Gene intervém pegando todos os formulários e falando ao amigo que iria analisar e mandar uma candidata procurá-lo assim que encontrasse a mulher com a qual achava que Don se daria bem. Pouco tempo depois do amigo deixar a sala aparece uma mulher dizendo ter sido enviada por Gene. Seu nome Rosie.
Rosie é totalmente incompatível com o Projeto Esposa. Ela fuma, detesta matemática e não sabe cozinhar. Nem de longe uma provável candidata, então por que Gene a enviou,ele não consegue entender.
Divertidíssimo e com uma premissa e narrativa fora do comum. O autor que conseguiu transformar as atitudes, perspectivas e modo de encarar a vida dos personagens de forma sutil, introduzindo cada ideia lentamente em sua narrativa. De forma que ao final, estas sutilezas se tornaram uma grande lição para ambos.


 “Mas isso nunca havia acontecido comigo. Nenhuma mulher jamais havia anotado seu telefone num papel de modo casual, automático, irrefletido, e dito, “Me liga”."
 “-Creio que encontrei uma solução para o Problema Esposa. Tal como acontece com tantas grandes descobertas científicas, a resposta parece óbvia quando analisada em retrospecto. Mas, se não fosse por uma série de eventos não programados, muito provavelmente eu não a teria descoberto.”










7 comentários:

  1. Gostei da resenha, me permitiu entender bem a estória do livro. Este parece ser um livro bem legal, deve ser bem divertido acompanhar o personagem na busca da esposa perfeita para ele e gostei de saber que no final, as ideias se tornam uma lição para os personagens.
    beijos ♥
    quemprecisadetvparaverbeyonce.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu amei sua resenha, primeiro porque pela sinopsia não iria querer ler o livro, mas depois de ler sua resenha fiquei morrendo de vontade de lê-lo. Adorei de o protagonista não ser comum e de que o final e sua escolha por uma esposa não sairá do jeito que ele planejou...

    Meu Mundo, Meu Estilo

    ResponderExcluir
  3. Tenho um preconceito com relação a esse livro, acho que ele é chato e monótono sem nem ao menos tê-lo lido, acho que devo isso a capa sem graça (sim, eu sei, não devemos julgar um livro pela capa) e pela sua sinopse enfadonha, mas enfim, fazer o que, acho que não há resenha nesse mundo que me faça mudar de idéia, mas não sei pq fiquei com tanta má vontade com O Projeto Rosie :/

    ResponderExcluir
  4. Quero muito ler.
    Parece bem engraçado. Acho que vou rir muito com a falta de traquejo social do protagonista.

    Beijos,
    Carissa
    www.carissavieira.com

    ResponderExcluir
  5. Estou com este livro em minha estante, e estou lendo outro agora que já estou no fim. Pretendo que ele seja minha próxima leitura!

    ResponderExcluir
  6. Há tanto tempo pretendo ler este livro! Quero muito tê-lo na estante, mas por motivos de listas e metas de leitura, ele acabou sendo deixado para trás :'( Uma pena porque acredito tanto nesta história. O protagonista é completamente desajeitado e isso me encanta, e a incompatibilidade entre ele e a Rosie parece ser o tipo de situação que irá render suspiros e muitas risadas! Espero mesmo que consiga ler em breve para conhecer o Don, a Rosie e este projeto que não tem absolutamente nada de convencional rsrsrs

    ResponderExcluir
  7. Olá Joyce, tudo bem??
    Estou louca para ler esse livro, pela trama diferente e por ser um chick-lit contado por um homem! Ainda mais um homem que planeja tudo do seu dia! Só fico imaginando que ele deve ser muito engraçado. E esta capa me chama muito a atenção, espero poder conferir em breve.

    ResponderExcluir