sexta-feira, 7 de junho de 2013

Resenha O Outro Lado da Meia-Noite.


Autor: Sidney Sheldon.
Editora: Abril.
Numero de páginas: 416.
Compre: Submarino. - Saraiva. - Americanas. - Travessa.

Nossa, faz anos que li esse livro, achei ele na casa da minha avó há muito tempo, sabe quando você é criança e não pode comprar livros e mais livros e tem que catar por aí? Foi assim.
Imagine uma enorme intriga, tudo causado por um homem. Larry Douglas é este homem.
Noelle era uma atriz, apaixonada por Larry e achando que iria se casar com ele, só que acontece que as coisas não aconteceram assim. Larry resolve deixá-la e conquistar Catherine Alexander, profissional bem sucedida, e que não acredita em homens.
Eu gostei muito da Catherine de cara, no começo ela é uma mulher decidida que faz você pensar que vai colocar Larry nos eixos, só que não. Como a maioria das mulheres apaixonadas, ela se torna tola.
Acontece que Catherine se mete em algo que ela nem fazia ideia, como não sabia do passado do Larry, acreditando que ele era um bom homem, ela não sabe da sede de vingança de Noelle.
Noelle está decidida a fazer Larry pagar, só que ela comete um erro quando tenta manipular Constantin Demiris, que é um magnata muito inteligente.
Agora enquanto Noelle está atrás de Larry, Constantin está atrás de Noelle e Catherine está no meio disso tudo, ainda querendo Larry.
É uma intriga que vai ficando pior a cada página e eu não esperava realmente o final que teve.

Personagens
Catherine: eu gostei dela no inicio, depois ela se torna boba insistindo no Larry.
Larry: no começo eu gosto dele, tem estilo, depois ele fica burro de mais para meu gosto.
Noelle: não gostei dela dês do inicio, mas como vilã ela se torna mais interessante.
Constantin: gosto dele, pois está um passo a frente dos outros, isso é bom.

Escrita: só tem momentos em que achei a escrita dele chatinha, isso acontece com todas os livros do Sheldon que li, hora adoro a escrita e do nada fica um pouco cansativa.

Capa: eu coloquei acima a capa que eu tenho, pessoalmente não gosto de nenhuma das capas desse livro.

Enredo: Sheldon consegue te deixar tenso a cada página, pois você não sabe que surpresa vêm a frente.

Classificação: 09/10.

- Obrigada, Bill. - Ela hesitou. - Não sei se isso ajuda, mas, se um dia houver outro além dele, seria você.
- Ajuda muito - sorriu ele. - Vai me manter acordado a noite inteira.

5 comentários:

  1. Nunca li nada do Sheldon, tem obras dele que nunca ouvi falar como essa. Parece ter muita confusão, tantas pessoas atrás de outras pessoas por causa de uma só mulher! Essa Noelle parece ser determinada viu, não sei se leria, a trama é bem peculiar.

    Abraços,
    Raquel.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É que são várias histórias que se chocam, mas eu posso dizer que gostei muito, foi aquele livro que você quer um próximo.

      Excluir
    2. Eu gosto dessas histórias assim, acho que o enredo fica mais amarrado. Sheldon é um "monstro" da literatura policial. Leitura quase obrigatória para quem é fã do gênero.
      Artur Conan Doyle, Sidney Sheldon, Agatha Christie, Dan Brown...
      Assim como outros que se destacam hoje: Harlan Coben, Lisa Gardner, Patricia Cornwell...
      Sou fã, apesar de não ter lido obras de todos que citei acima.

      Beijos!!!

      Excluir
  2. Gostei da sua resenha. Tenho um livro do Sheldon que ainda não li.
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  3. A capa desse livro é meio estranha, mas a historia é bem interessante e acho que eu leria sem problema.

    ResponderExcluir