quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Trechos De Um Livro... - O Substituto.


- Quem somos nós? - perguntei, sentindo a boca seca e grudenta, como se eu não quisesse realmente saber.

Ela se curvou e apoiou o queixo entre as mãos. Sem a incidência direta da luz do céu, seus olhos se tornaram de um azul mais escuro.

- Você realmente quer saber onde viemos? - retrucou ela. - Dependendo do século, dependendo do país, eles nos chamam de um jeito diferente. Dizem que somos fantasmas, anjos, demônios, espíritos elementares, só que os nomes não ajudam em nada. Quando um nome mudou o que uma pessoa é de verdade?

Isso era algo que eu conseguia compreender. Porque não importava quantas vezes meu pai me chamava de Malcolm ou me apresentava como seu filho. Isso só piorava as coisas. Na verdade, dizer uma vez parecia sempre obrigá-lo a dizer de novo, como se, uma vez dito, ele tivesse de continuar repetindo e repetindo, até a declaração perder o significado.

- Deus nos odeia? - indaguei, com os olhos fixos no chão.

Carlina não respondeu de imediato. Ela se inclinou para a frente, observando um brilhante canteiro de árvores muito vermelhas, de um tom tão vivo quanto sangue.

- Não sei nada sobre Deus - disse por fim. - Mas sei sobre tradição. Somos pessoas literais, você e eu. Qualquer que seja a interpretação mais óbvia, essa é a nossa verdade. Quando os antigos representantes da igreja formularam suas leis, eles abriram um precedente. Eles acreditam que o solo sagrado rejeita nossas almas, e, porque acreditam nisso do fundo do coração, esse solo nos machuca.

6 comentários:

  1. Fiquei curiosa pra saber quem eles são pra serem tão desprezados...

    ResponderExcluir
  2. A capa é linda embora seja meia sombria. Elementos sobrenaturais e mistérios, fazem parte da trama. Gostei demais da sua resenha. Está ótima.

    ResponderExcluir
  3. Queria ler esse livro. Ver um trecho dele só deixa aquele gostinho de quero mais!

    ResponderExcluir
  4. Oi...
    Ai meu Deus!
    Esse é um dos mega livro DESEJADO *-*
    Só de ler esse trevho fiquei babando!
    Preciso muito do livro! Mui Mui Mui tooo!!
    (hora do desespero aqui)
    Beijo, até mais!
    Débora

    enfimdeasasabertas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Eu tenho uma camiseta deste livro, pq eu a tenho eu não sei, mas sei que tenho hahaha.

    ResponderExcluir
  6. "Dependendo do século, dependendo do país, eles nos chamam de um jeito diferente. Dizem que somos fantasmas, anjos, demônios, espíritos elementares, só que os nomes não ajudam em nada."
    ESTOU APAIXONADO POR ESSA FALA.
    MEU DEUS
    ADOREI O LIVRO
    MEU DEUS

    ResponderExcluir