sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Nome Indefinido.



Sorrisos escondendo verdades
Quantas vezes vamos cair?
A imensidão nos espera
Como vamos fugir da realidade?

Imagens nítidas me voltam à mente
Muitas verdades encobertas
Belas frases não apagam fatos
Como sobrevivemos?

Dessa vez enfrentaremos
Mascaras caindo aos pés
Não adianta me embriagar
Sonhos não fazem confiança

Há dois lados
Te vejo desabar
O que posso fazer para lhe parar?
Nada...

O vazio persegue... O som de sua voz...
Mas isso foi realidade?

3 comentários:

  1. Nossa, MUITO lindo.... vocês que escreveram?????
    Parabééééns!!!

    ResponderExcluir
  2. Me deixou sem palavras e confusa.
    Oh mundoooo crueeel

    ResponderExcluir
  3. Você daria uma ótima compositora.
    Ainda bem que vc teve que postar essas musicas aqui, elas me fizeram sentir muito bem.

    ResponderExcluir