sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Resenha Amante Sombrio.



Título: Amante Sombrio.
Autor: J. R. Ward.
Série: Irmandade da Adaga Negra.
Editora: Universo dos Livros.
Numero de paginas: 448.
Ano de Lançamento: 2009.

Sinopse:
Nas sombras da noite, em Caldwell, Nova York, desenrola-se uma sórdida e cruel guerra, entre vampiros e seus carrascos. Há uma irmandade secreta, sem igual, formada por seis vampiros defensores de sua raça. Ainda assim, nenhum deles deseja a aniquilação de seus inimigos mais que Wrath, o líder da Irmandade da Adaga Negra. Wrath é o vampiro de raça mais pura dentre os que povoam a terra e possui uma dívida pendente com os assassinos de seus pais. Ao perder um de seus mais fiéis guerreiros, que deixou orfã uma jovem mestiça, ignorante de sua herança e destino, não lhe resta outra saída senão levar a bela garota para o mundo dos não mortos. Traída pela debilidade de seu corpo, Beth Randall se vê impotente em tentar resistir aos avanços desse desconhecido, incrivelmente atraente, que a visita todas as noites envolto em sombras. As histórias dele sobre a Irmandade a aterrorizam e fascinam. Seu simples toque faísca, um fogo que pode acabar consumindo a ambos.

Opinião:

Amante Sombrio é o primeiro livro da famosa série Irmandade da Adaga Negra, o livro é uns 80% sobre relações sexuais e os sentimentos dos seus personagens, conta também com caçadores de vampiros (chamados nos livros de redutores) que são bem estranhos.
Enquanto os vampiros vêm de uma entidade espiritual chamada Virgem Escriba, os Redutores deixam sua humanidade de lado pelo chamado Ômega.
Esse primeiro livro é sobre o líder dos vampiros Wrath, logo no começo ele já conhece a outra personagem principal Beth, seu amigo Darius antes de morrer pede para que Wrath cuide de sua filha na sua transição que é a Beth, sendo ela somente meia vampira.
À medida que o Wrath conhece mais ela começa um relacionamento quente entre os dois, que tem que aprender a lidar com seus próprios medos e receios de vida se quiserem ficar juntos.
Esse é um livro encantador, não somente pela escrita que é fácil e acessível, mas pelos personagens que tem conteúdo e sendo leitores dele a maioria mulheres, posso dizer que eles representam o tipo de homem que a maioria deseja sendo totalmente atraentes.


“Se o sexo fosse comida, Rhage teria obesidade mórbida.”
“Você não sabe disso ainda. Mas você é minha.”
“Ele trouxe o céu ao alcance de nossas mãos. Era Zsadist. Seus olhos fechados, a cabeça para trás, cantando. Sua cicatriz, sua alma, tinha uma voz de anjo.”
“Algumas pontes você tem que cruzar sozinho, não importa quão perto da borda você está.”



3 comentários:

  1. Ouvi falar mt sobre Irmandade da Adaga Negra nas redes sociais, mas nunca despertou meu interesse, até então.
    O que me convenceu foram as frases do livro :D

    ResponderExcluir
  2. Eu adorei essa resenha, me deixou ainda mais ansioso para ler.

    ResponderExcluir
  3. Amooooo essa série..muito adulta e bem hot..li até o 9º livro..alias devorei..um melhor que o outro..Amante Sombrio e Amante Desperto são meus preferidos dessa série..li uma resenha da Mary, dizendo que não gostava dessa série pq o erótico era falado de forma que ficava engraçado..discordo plenamente..sou muito fã dessa narrativa e super recomento..os vampiros são diferentes, apesar de ter presas e não poderem sair no sol..cada irmão, como eles se denominam, tem uma parceira..e cada livro irá falar desse irmão e como conheceu sua parceira..muito bom!

    ResponderExcluir