sexta-feira, 24 de março de 2017

Cine FB: A Bela e a Fera (Live Action).



Título original:
Beauty And The Beast.
Título: A Bela e a Fera.
Data de lançamento: 16 de março de 2017.
Duração: 2h 09min.


Sinopse:

Não recomendado para menores de 10 anos.

Moradora de uma pequena aldeia francesa, Bela (Emma Watson) tem o pai capturado pela Fera (Dan Stevens) e decide entregar sua vida ao estranho ser em troca da liberdade dele. No castelo, ela conhece objetos mágicos e descobre que a Fera é, na verdade, um príncipe que precisa de amor para voltar à forma humana.

OPINIÃO:

Preciso contar pra vocês, EU como uma criança dos anos 90, adorava pegar os VHS dos contos de fada, princesas, príncipes, e sim mesmo agora depois de adulta, me encanto com o que o universo da Disney está nos proporcionando com algumas adaptações. Eles estão trabalhando duro para deixar-nos enfeitiçados com suas histórias a muito contadas, que já conhecemos, mas que mesmo assim sentimos vontade de rever.

Só por curiosidade, pensei vou no cinema ver isso em alta resolução, nem me informei muito sobre como era o filme, apenas fui... Logo ao chegar fui surpreendida, pois ele é um "musical", algumas das musicas eu me lembro perfeitamente do desenho, outras não...

A semelhança da história é contagiante, desde figurinos até os personagens. Estava com muita expectativa e não fui decepcionada. 

O filme conta a história de um príncipe, que a muito tempo atrás foi enfeitiçado por uma bruxa, pois ao lhe pedir ajuda, ele bancou o esnobe e a expulsou do castelo. Sendo assim ela condenou ele e a todos que viviam no castelo, o príncipe virou uma fera e seus criados tornaram-se objetos animados. Para o feitiço ser desfeito, uma jovem deveria se apaixonar por ele, e como sua aparência não ajudava muito, teria que ser pela beleza interior. 

Os anos passam e assim viemos a conhecer Bela, uma camponesa, cheia de opinião e a frente de seu tempo, que é descriminada no seu povoado, pois gosta muito de ler (alguma semelhança com o pessoal do blog?), e deseja uma vida melhor do que a que ela leva. Certo dia o pai de Bela se perde na floresta perto de casa e acaba indo parar no castelo, tornando-se prisioneiro da fera, e Bela sabendo da sua condição, troca de lugar com o mesmo, passando assim a viver no castelo.

Para quem conhece a história, já sabe o fim e para quem não conhece eu recomendo, pois além de nos transportamos para um outro mundo, os efeitos especiais estão maravilhosos. Algumas cenas são emocionantes e eu cheguei a comentar, nossa eu assistia isso quando era apenas uma criança... Mas em outras existe um humor e uma leveza maravilhosa. Por mim, irei assistir mais algumas vezes assim que for disponibilizado em outras mídias. E também preciso falar que Emma estava ótima como a Bela 💗. 



Continue Lendo

terça-feira, 21 de março de 2017

Resenha Seres do Além de Clayton de La Vie.



Título: Seres do Além.
Autor: Clayton de La Vie.
Editora: Fonzie.
Ano de lançamento: 2016.
Número de páginas: 402.
Disponibilizado via E-book pela Editora.

Sinopse:
Uma única missão leva os irmãos Christine, Nicolas e David Richard a se embrenharem por caminhos tortos de um Mundo Mágico, onde desvendam os segredos relacionados à morte de sua mãe e se veem em um cenário repleto de mentiras e jogos de poder. Além dos tradicionais elementos mágicos, Seres do Além reúne uma variedade de aspectos culturais humanos e também aborda uma mitologia própria. Esqueça a sua definição sobre o bem e o mal, pois, no universo criado pelo autor paulista Clayton De La Vie, ambos se confundem; em certos momentos tornam-se um.

Opinião:

Genteee... Comecei a ler esse livro e comecei a comparar, sei que é uma coisa ruim, mas são muitas citações, venham comigo e vejam o que vocês acham:

São três irmãos Cristina, Nicolas e David, eles são bruxos, mas ainda não sabem, pois sua mãe Diana foi morta quando eles eram pequenos e os três acabaram crescendo no mundo humano. Os três são bem descritos, ela parece ser cérebro do grupo, um dos irmãos o músculo e o mais novo é o mais sensível deles e ele é ruivo. Alguém mais notou coincidências aqui? Eles descobrem sobre o seu passado quando um bruxo vai em busca deles, para eles voltarem para o mundo mágico.

O cenário utilizado para entrar em San Martin, a cidade mágica, foi o Cristo Redentor, eles viajam através de névoa e vassouras voadoras, atravessam uma porta e lá encontram todos os seres que vocês possam imaginar, incluindo deuses e oráculos.

Nessa cidade eles descobrem um organização secreta chamada C.I.A (Central de Investigação a Assombrações), eles precisam passar por um treinamento de 3 meses, para adquirirem habilidades mágicas e passar por um teste para ver se são capazes de cumprir sua verdadeira tarefa: os três precisam salvar a Fênix Hórus das mãos de um antigo feiticeiro (Felix), pois dentro dela habita um espírito ancião que pode destruir todo o mundo conforme é conhecido.

No meio de sua aventura, eles descobrem que esse feiticeiro coincidentemente é o mesmo autor da morte da mãe deles, e isso acaba agravando e as vezes até prejudicando alguns julgamentos sobre o que deve ser feito, de como devem agir.

Será que eles vão conseguir resgatar a Fênix? Será que o poder recém descoberto não irá transformá-los em simples vingadores??? Espero que vocês leiam e descubram assim como eu o fim dessa história, cheia de mistérios e aventuras.

Como não posso falar do aspecto físico do livro, tenho que ir por outro lado, a capa tem jeito de ser muito bonita e chama muita atenção, a escrita do autor é muito detalhada e isso acaba cansando um pouco o leitor, pois é muita informação sobre ambientes, roupas, movimentos que EU acho desnecessário, também não consegui decorar o nome de grande parte dos personagens. Notei que o autor perdia um pouco o foco da história, uma hora ele estava muito bem contando a história, quando em determinado momento aparecia um amuleto, então ele saia da história principal e começava a contar detalhadamente como ele era feito, quem fazia, quais os materiais usados e para que o objeto servia, isso as vezes ocupava páginas ao invés de algo breve. Por fim, vi alguns erros de digitação, mas nada que atrapalhasse a leitura.



O chão estremeceu, e Christine cambaleou para a direita, mas continuou em pé, imponente. O quarteto atravessou a colossal porta, que se fechou com um baque surdo. Todos, menos Gabriel, sentiram uma dor de cabeça espantosa, os seus estômagos começaram a revirar, e a dor ficou cada vez mais intensa conforme os segundos caíam; todos naquela hora desejaram que a dor passasse... que dormissem... que morressem...
Os irmãos Richard deram uma olhada pela vitrine e contemplaram tesouras e secadores executando o serviço sem esforço manual. Provavelmente estão enfeitiçados, pensaram. Enquanto andavam pela rua cada vez mais estreita devido ao acúmulo de pessoas, crianças eufóricas esbarravam nos novos visitantes.
Do solo emergiu uma mulher com a beleza mais graciosa que Otávio tinha visto até então. Seus cabelos caíam ondulados pelos ombros e encontravam o seu vestido longo mesclando-se como se fossem uma só essência. As roupas eram em tons claros de azul, e as bordas das mangas eram de um vermelho intenso. Não tinha nenhum adorno em seus pés, mas uma pedra ametista bailava sobre a sua fronte. Seus olhos eram escuros como a noite; os seus lábios, finos como a tênue linha que separa o céu e o mar. A sua pele era morena em tom de cacau, e as suas orelhas eram afiadas como lanças.
Continue Lendo

sexta-feira, 17 de março de 2017

Série FB: Gilmore Girls.

Gilmore Girls (Tal Mãe, Tal Filha como conhecida em português) é uma série do canal americano CW que ganhou popularidade mundial no começo dos anos 2000. Criada por Amy Sherman-Palladino e estrelada por Lauren Graham e Alexis Bledel, o seriado é exibido no Brasil pelo canal Warner Channel na TV paga. A série estreou em 5 de outubro de 2000 e terminou em 15 de Maio de 2007 na sua sétima temporada no canal The CW. Em 2016, o Netflix (❤❤) confirmou o retorno da série, com quatro novos episódios/filmes para TV de 90 minutos de duração que foram disponibilizados para streaming no mesmo ano. Os novos episódios foram escritos e dirigidos pela criadora da série e seu marido, Daniel Palladino, sob o título Gilmore Girls: Um Ano Para Recordar.


Sinopse:

Lorelai Gilmore fez algumas escolhas erradas em sua vida, engravidou aos 16, mas fez o melhor que pode para educar a sua filha Rory e colocá-la na faculdade. Isto causou muita confusão com seus pais, Richard e Emily Gilmore, pois esta família de classe alta decidiu que Lorelai teria de se casar com o pai de Rory para manter as aparências, mas Lorelai decidiu fugir de casa, emancipar-se e criar Rory sozinha. 
Ela encontra refúgio na pequena cidade de Stars Hollow, onde o povoado é tudo menos usual. A pequena cidade, que parece ter saído de um livro de contos infantis, é um local agradável para se viver. Repleta de pessoas que as tratam bem, como Sookie St. James, cozinheira na pousada em que Lorelai é gerente e Luke Danes, dono da lanchonete mais movimentada de Stars Hollow, que tem uma queda por Lorelai.
Lorelai vê-se num dilema, logo no início da trama, com o que fazer para que a filha entre para o colégio privado de Chilton, conhecido por conseguir que os seus alunos entrem nas Universidades mais conceituadas dos EUA, e decide pedir aos pais um empréstimo, ao qual eles cedem com a condição de que os jantares de sexta-feira fossem realizados com eles até ao fim do secundário de Rory. 


Opinião:
 

Gente... Comecei a assistir a série porque o maldito Netflix (❤❤) ficou me indicando por algum tempo, então decidi assistir (porque sou curiosa) e porque já tem todas as temporadas e para piorar (meu vício) eles fizeram uma nova temporada após muitos anos. 
Eu recomendo muito assistir a série, pois ela é muito amorzinho, com muitos conflitos, e conversas entre mãe e filha, algumas bem malucas e engraçadas. Todos os personagens tem uma identidade muito marcante, até alguns secundários tornam a trama muito envolvente e não cansamos de assistir.
Confesso que ainda não assisti todas as 7 temporadas, mas está indo tão rápido que em duas semanas já estou bem adiantada e assisti um episódio da temporada feita pela Netflix para poder contar para vocês e a dinâmica continua a mesma. Nessa temporada filmada após muitos anos são apenas 4 episódios e cada um é uma estação do ano Inverno, Primavera, Verão e Outono.

Espero que vocês gostem de fazer maratonas que nem eu e aproveitem essa indicação 😉.

Nota da Caths:

Vim de metida aqui, pois vi Gilmore Girls há uns anos (além de ver aleatoriamente quando mais nova) em sequencia, bem como vi a nova temporada gravada pela Netflix.
Pessoalmente, AMEI a nova temporada, conseguiu trazer os personagens de volta com o jeitinho deles. Mas tem uma exceção, fiquei bolada com o Logan, que sempre deixou de lado os mimimis da família dele para ficar com Rory. Entendi o que quiseram fazer com a Rory e tal, mas eu adoro Logan e espero que ele volte na próxima temporada (estou sendo otimista, já que a Netflix está em tratativa ainda sobre outra temporada, mas como eles querem possivelmente vão conseguir, até porque aquele final deixou um gostinho de quero mais).
Vi muitas pessoas dizendo que a cena da Rory com os meninos foi descartável, mas foi uma das que mais amei. 
E o Luke com a Lorerai <3, gente que saudades eu estava de tudo isso, haha!
Só digo que indico com euforia que assistam (vão se ver na Rory que adora um livro), pois é bom demais! E vamos torcer para uma nova temporada! 
Continue Lendo

quarta-feira, 15 de março de 2017

Resenha A Rainha das Trevas de Anne Bishop.


Título: A Rainha das Trevas.
Autora: Anne Bishop.
Série: Trilogia das Joias Negras - Livro Três.
Resenhas dos livros anteriores: Livro Um. - Livro Dois.
Editora: Arqueiro.
Número de páginas: 512.
Ano de lançamento: 2017.
Cortesia da editora.

Sinopse:
Incapazes de atingir Jaenelle, a jovem Rainha, os membros corruptos dos Sangue fazem um jogo perverso de diplomacia e mentira, procurando destruir aqueles que sempre deram tudo por ela. E revertem as culpas para o seu tutor, Saetan, que passa a ser visto como a maior das ameaças ao poder instituído. Com Jaenelle como Rainha, a chacina do povo e a profanação das terras irá terminar. Porém, onde se fechou uma porta poderá abrir-se uma janela E mesmo que Jaenelle possa contar com os seus aliados, talvez não seja suficiente: só um terrível sacrifício poderá salvar o coração de Kaeleer.

Opinião:

Agora que a trilogia terminou posso dizer com convicção que amei todos os livros! São maravilhosos! <3 

No livro A Filha do Sangue somos introduzidos ao Reino Distorcido e a importância das joias. Você pode receber uma por Direito de Progenitura e outra que pode ser três níveis acima da primeira. Os níveis são esses: Branca, Amarela, Olho de Tigre, Rosa, Azul-Celeste, Violeta, Opala, Verde, Azul-Safira, Vermelha, Cinza, Cinza-Ébano e Negra.

Ainda, se mostra que os Sangues deveriam ser protetores das Trevas, uma espécie mágica e poderosa, mas desde que a Rainha Cassandra morreu tudo mudou drasticamente e Dorothea aos poucos foi tomando o poder e cada vez mais colocando em prática um reinado de terror, principalmente para os homens.

Mas há muitos anos uma profecia previa a vinda de uma Feiticeira que governaria de forma correta. Saetan, o Senhor Supremo do Inferno, e seus filhos Daemon e Lucivar aguardavam ansiosamente por isso. Então vem Jaenelle, com sete anos e mais poder do que se lembram de alguém ter dito, e assim Saetan começa a ensinar Jaenelle. 

O livro A Herdeira das Sombras passa dois anos depois dos acontecimentos do primeiro livro, com Saetan tendo requerido a guarda de Jaenelle e Daemon e Lucivar tentando se auto curar. Dorothea e Hekatah continuavam destruindo Terreille com sua maldade e Jaenelle se vê na necessidade de adotar algumas atitudes severas para salvar seus amigos.

A Rainha das Trevas começa deixando claro que as coisas não serão só flores (os três livros deixam isso bem nítido) e que Jaenelle terá que tomar uma decisão muito difícil. Nessa obra Lucivar tenta encontrar Daemon e trazê-lo para Kaellen junto de Jaenelle para que este tome seu lugar de consorte da Rainha. Ocorre que Damon estava com seu cálice rachado (cálice seria como a alma) e teme ser rejeitado por Jaenelle. Mas muita coisa acontece e Daemon termina reencontrando-a.

Ainda, temos a família de sangue de Jaenelle que acredita que ela esta sendo usada por Saetan, Daemon e Lucivar, a qual causa mais estragos que bem (como sempre) e Dorothea e Hekatah querendo a destruição de Jaenelle.

A trilogia não se perdeu em nenhum momento, ela continua sendo extremamente sombria, com passagens bem fortes e ao mesmo tempo consegue trazer a interação de amizade e amor em Kaellen de maneira jovial, demonstrando que mesmo no caos se tem momentos maravilhosos com pessoas amadas. A escrita flui muito bem, você nem percebe que já alcançou a página 100 e quando vê esta na ultima página não querendo se despedir dos personagens que aprendeu a amar como amigos.

Admito que amei a ideia da autora de colocar como parentes os animais sangue, ou seja, são animais que conseguem se comunicar com alguns sangues humanos e que tem poderes, como força, isso reforça o cuidado com animais e também demonstra que você tem que respeitar quem é considera inferior, pois as vezes de inferior ele não tem nada, você que está vendo errado.

Só tenho coisas maravilhosas para falar sobre essa trilogia e embora ela tenha momentos fortes (tem vários abusos sexuais) consegue unir isso a simplicidade de pessoas verdadeiras vivendo em família (lembrando que família não significa laços sanguíneos).

Esse livro em especial me fez rir muitas vezes com os personagens, mas me fez torcer fervorosamente por eles. Posso adiantar que como em todas as guerras há muitas perdas. 

Indico para vocês a leitura da Trilogia das Joias Negras. Afirmo que não tem como não amar se gosta de fantasia!

Jaenelle <3 Daemon <3 Saetan <3 Lucivar <3 Parentes <3 Vou sentir saudades! (Quero mais livros, haha!) 

 
Com a fúria fervilhando, Surreal irrompeu no quarto - e parou de maneira brusca, sem saber se gritava ou ria. Um imenso cão cinza tinha o focinho enfiado no baú aberto de Surreal. A ponta do rabo balançava como um metrônomo acelerado enquanto ele farejava as roupas. 

- Lady Angelline. - A voz de Saetan ribombou no Paço como um suave trovão. - Sempre soube que um dia nos encontraríamos para um acerto de contas, mas não pensei que fosse tão tola para vir até aqui.

- Eu amava meu pai - disse Titian serenamente. - E amava meus irmãos. O estupro é punido com a execução, Surreal. Se eu tivesse voltado para casa assim que fugi de Kartane, meu pai e meus irmãos teriam ido a Hayll matá-lo.

- Comparada com as outras rainhas de Terreille, era uma boa rainha. Comparada com qualquer uma das rainhas que conheci desde que estou em Kaeleer... Não, meu amor, não era uma boa rainha.

- Não. Chega de sacrifícios, Daemon. Pelo menos de sua parte. - Engoliu em seco. - A fortaleza será o único lugar seguro. Quero que me prometa que, na hora marcada, estará a caminho da fortaleza. Não importa a quem tenha de virar costas, não importa quem tenha de deixar para trás, precisa chegar à fortaleza antes do amanhecer. Prometa-me isso, Daemon. - Segurou o braço dele com tanta força que o machucou. - Preciso ter certeza de que estará a salvo. Prometa.

Então caminhou até Marian, que continuava sussurrando, tentando rastejar. Mesmo com os lamentos angustiados de Lucivar, todos conseguiram ouvir os ossos partindo quando Daemon pisou no pescoço da mulher.

Clique na imagem para aumentá-la.
Continue Lendo

quarta-feira, 8 de março de 2017

Parceria: Editora Alicanto.


Olá.

Vim contar uma novidades para vocês, que talvez alguns já saibam: o Fantastic Books agora é parceiro da Editora Alicanto! o/




Infelizmente, só pude contar agora, pois anteriormente estragou o modem aqui de casa e eu estava dando uma corrida no TCD (Trabalho de Conclusão de Curso de Direito - é esta chegando perto a formatura - final de 2017). Mas vamos ao que interessa: falar da Editora Alicanto.

Abaixo vou deixar os dados de contato da editora e um pouquinho sobre  história dela.

Site: Link.
Facebook: Link.
Twitter: Link.
Instagram: Link.

Editora Alicanto,  uma nova editora com um antigo objetivo: Publicar bons livros. O Alicanto é uma ave mítica do deserto do Atacama que se alimenta de ouro. Não poderia ser outro nosso nome, já que o alimento da Editora Alicanto também é um tesouro precioso; a boa literatura.  E assim são nossos livros, tesouros literários que enriquecem a mente e alimentam a alma. Apesar de novos, chegamos ao mercado com fome dos maiores tesouros que pudermos encontrar ,intrínseco a um antigo ideal: publicar bons livros. Não vemos o livro meramente como um produto, mas como uma peça de arte, uma pequena revolução que pode encantar ,transformar mentes e corações. Sob um modelo de publicação tradicional, investimos em obras que merecem e que valem a pena ser levadas ao público leitor, recebendo  de mente aberta  toda e qualquer forma de originalidade editorial,tesouros literários que enriquecem a mente e alimentam a alma.
Continue Lendo

segunda-feira, 6 de março de 2017

Resenha Tudo e Todas as Coisas de Nicola Yoon.

Título: Tudo e Todas as Coisas.
Autora: Nicola Yoon.
Editora: Novo Conceito.
Ano de Lançamento: 2016.
Número de Páginas: 304.


Sinopse: "Minha doença é tão rara quanto famosa. Basicamente, sou alérgica ao mundo. Qualquer coisa pode desencadear uma série de alergias. Não saio de casa. Nunca saí em toda minha vida. As únicas pessoas que já vi foram minha mãe e minha enfermeira, Carla. Eu estava acostumada com minha vida até o dia que ele chegou. Olho pela minha janela para o caminhão de mudança, e então o vejo. Ele é alto, magro e está vestindo preto da cabeça aos pés. Seus olhos são de um azul como o oceano. Ele me pega olhando-o e me encara. Olho de volta. Descubro que seu nome é Olly. Talvez eu não possa prever o futuro, mas posso prever algumas coisas. Por exemplo, estou certa de que vou me apaixonar por Olly. E é quase certo que será um desastre."
Opinião:

Estou "in love" com esse livro.  Vi o trailer do filme, adaptação do livro, rolando em uma dessas propagandas do FB e resolvi comprar a obra.


Previsão de estreia Junho/2017 no Brasil.

Não consegui me segurar precisei dividir essa experiência com vocês, queridos leitores e cinéfilos. Espero que gostem assim como eu, pois fiz um pedido todo especial para a Cath para eu fazer essa resenha 💖.

Então, a história é toda narrada por Madeline, ela acaba de fazer dezoito anos e tem uma doença rara desde que nasceu - IDCG
 (Imunodeficiência Combinada Grave), e por conta disso ela vive isolada dentro de casa, pois qualquer coisa pode acionar o "gatilho" e desencadear uma crise muito grave. O ar da casa é todo filtrado e as pessoas precisam se descontaminar antes de entrar, e pelo fato de o processo ser complicado de executar, as únicas pessoas com as quais ela tem contato é sua mãe (que é médica) e sua enfermeira Carmen (que é como uma mãe para ela).

Madeline tem uma rotina cheia de compromissos, pois ela tem aulas EAD, faz exames físicos diariamente  e como nós qui do BLOG adora ler... Ela tem o costume de quando recebe um livro novo, colocar seu nome e umas Obs. caso "perca" o livro (o que é impossível devido as circunstanciais), dando recompensas para quem achar o mesmo. 

Mas um certo dia, as coisas saem um pouco da sua rotina... Uma família se muda para a casa ao lado, enquanto observa ela vê ele... "Ele é alto, magro e está vestindo preto da cabeça aos pés. Seus olhos são de um azul como o oceano. Ele me pega olhando-o e me encara. Olho de volta. Descubro que seu nome é Olly. Talvez eu não possa prever o futuro, mas posso prever algumas coisas. Por exemplo, estou certa de que vou me apaixonar por Olly. E é quase certo que será um desastre."  A descrição é tão perfeita que usei a de Maddy para vocês entenderem o quão longe isso poderia ir, e o tamanho do desastre que um coração apaixonado pode causar.

Após muitas trocas de olhares pela janela dos quartos, Olly escreve seu e-mail no vidro da janela para que eles possam manter contato. Após longas conversas pela madrugada, eles conseguem uma aliada, Carmen, e ela deixa ele fazer algumas visitas, com horários restritos, ele passando por todo o processo necessário e mesmo assim, mantendo uma distancia segura dela. ÓBVIOOOO que nós sabemos que dois adolescentes não vão respeitar isso e rola o primeiro beijo. Acontece que as atitudes de Maddy a denuncia e acaba que por fim sua mãe descobre o que anda acontecendo e a PROÍBE de eles se verem ou conversarem pela internet, bem como manda Carmen embora e contrata alguém para ficar de olho. Acontece que tudo isso se transforma num grande ato de rebeldia e loucura.... Madeline foge e leva Oliver com ela para o Havaí, para realizar um de seus maiores desejos...

E então me deparei com uma página totalmente preta escrito... "E FOI AI QUE MEU CORAÇÃO PAROU"...

E é por aqui eu vou parar de contar as coisas, pois quero que vocês se sintam tão curiosos quanto eu para descobrir o que irá acontecer com as vidas de Oliver e Madeline. Após essa página há várias revelações que eu fiquei: "O que? Como assim??? Mas porque??? OMG!!!" O livro é tão envolvente que quando eu percebi, já havia acabado de ler. A capa é linda, o livro é lindo por dentro, ele é muito ilustrado, é engraçado e ao mesmo tempo emocionante.



TATO: A maçaneta da porta da frente é fria e lisa ao toque, quase escorregadia. É fácil soltá-la e é isso que eu faço.
O.CE.A.NO 1. A parte infinita de si mesmo que nunca conheceu, mas sempre suspeitou de que estava ali. [2015, Whittier]
RESENHAS COM SPOILERS POR MADELINE: Flores para Algernon, de Daniel Keyes.  Alerta de Spoiler: Algernon é um rato. O rato morre.

Clique na imagem para aumentá-la.
Continue Lendo

quarta-feira, 1 de março de 2017

Lançamentos: Editora Arqueiro e Sextante.

Olá pessoal.
Essa é a última postagem de lançamentos da nossa parceria com a Editora Arqueiro e Sextante referente a parceria do ano de 2016. Espero que sejamos renovados, então vamos torcer aí com a gente! ;)
Prontos para verem os lançamentos de março?!?

Natasha: Sou uma garota que acredita na ciência e nos fatos. Não acredito na sorte. Nem no destino. Muito menos em sonhos que nunca se tornarão realidade. Não sou o tipo de garota que se apaixona perdidamente por um garoto bonito que encontra numa rua movimentada de Nova York. Não quando minha família está a 12 horas de ser deportada para a Jamaica. Apaixonar-me por ele não pode ser a minha história. Daniel: Sou um bom filho e um bom aluno. Sempre estive à altura das grandes expectativas dos meus pais. Nunca me permiti ser o poeta. Nem o sonhador. Mas, quando a vi, esqueci de tudo isso. Há alguma coisa em Natasha que me faz pensar que o destino tem algo extraordinário reservado para nós dois. O Universo: Cada momento de nossas vidas nos trouxe a este instante único. Há um milhão de futuros diante de nós. Qual deles se tornará realidade? - Número de páginas: 288. - Lançamento: 06/03/2017.

Norte da África, Segunda Guerra Mundial. As tropas britânicas na região estão sofrendo perdas significativas. Não há dúvidas de que alguém está informando o inimigo sobre os movimentos e planos estratégicos do exército britânico. O espião é conhecido por seus compatriotas alemães como Esfinge, mas para todos os outros é o empresário europeu Alex Wolff. Após cruzar o deserto, ele chega ao Cairo, no Egito, munido de um rádio, uma lâmina letal e um exemplar do livro Rebecca, de Daphne du Maurier. Violento e implacável, ele está disposto a tudo para cumprir a missão que recebeu. Para isso, conta com a ajuda de uma dançarina do ventre tão inescrupulosa quanto ele. O único homem capaz de detê-lo é William Vandam, oficial da inteligência britânica que precisa desvendar o enigma do Esfinge para interromper o avanço dos nazistas. Ao mesmo tempo que os alemães chegam cada vez mais perto da vitória final, Vandam também se aproxima de seu adversário, da chave que revela o código escondido no livro – e do combate mortal... - Número de páginas: 352. - Lançamento: 06/03/2017. 

A misteriosa Pedra Pagã sempre foi um local proibido na floresta Hawkins. Por isso mesmo, é o lugar ideal para três garotos de 10 anos acamparem escondidos e firmarem um pacto de irmandade. O que Caleb, Fox e Gage não imaginavam é que ganhariam poderes sobrenaturais e libertariam uma força demoníaca. Desde então, a cada sete anos, a partir do sétimo dia do sétimo mês, acontecimentos estranhos ocorrem em Hawkins Hollow. No período de uma semana, famílias são destruídas e amigos se voltam uns contra os outros em meio a um inferno na Terra. Vinte e um anos depois do pacto, a repórter Quinn Black chega à cidade para pesquisar sobre o estranho fenômeno e, com sua aguçada sensibilidade, logo sente o mal que vive ali. À medida que o tempo passa, Caleb e ela veem seus destinos se unirem por um desejo incontrolável enquanto percebem a agitação das trevas crescer com o potencial de destruir a cidade. Em Irmãos de Sangue, Nora Roberts mostra uma nova faceta como escritora, dando início a uma trilogia arrebatadora em que o amor é a força necessária para vencer os sombrios obstáculos de um lugar dominado pelo mal. - Número de páginas: 288. - Lançamento: 13/03/2017. 

Eleito um dos dez melhores romances de 2011 pelo Library Journal, "Quando a Bela domou a Fera" é uma releitura de um dos contos de fadas mais adorados de todos os tempos. Piers Yelverton, o conde de Marchant, vive em um castelo no País de Gales, onde seu temperamento irascível acaba ferindo todos os que cruzam seu caminho. Além disso, segundo as más línguas, o defeito que ele tem na perna o deixou imune aos encantos de qualquer mulher. Mas Linnet não é qualquer mulher. É uma das moças mais adoráveis que já circularam pelos salões de Londres. Seu charme e sua inteligência já fizeram com que até mesmo um príncipe caísse a seus pés. Após ver seu nome envolvido em um escândalo da realeza, ela definitivamente precisa de um marido e, ao conhecer Piers, prevê que ele se apaixonará perdidamente em apenas duas semanas. No entanto, Linnet não faz ideia do perigo que seu coração corre. Afinal, o homem a quem ela o está entregando talvez nunca seja capaz de corresponder a seus sentimentos. Que preço ela estará disposta a pagar para domar o coração frio e selvagem do conde? E Piers, por sua vez, será capaz de abrir mão de suas convicções mais profundas pela mulher mais maravilhosa que já conheceu? - Número de páginas: 320. - Lançamento: 13/03/2017. 

Desde pequeno, Ganoes Paran decidiu trocar os privilégios da nobreza malazana por uma vida a serviço do exército imperial. O que o jovem capitão não sabia, porém, era que seu destino acabaria entrelaçado aos desígnios dos deuses, e que ele seria praticamente arremessado ao centro de um dos maiores conflitos que o Império Malazano já tinha visto. Paran é enviado a Darujhistan, a última entre as Cidades Livres de ­Genabackis, onde deve assumir o comando dos Queimadores de Pontes, um lendário esquadrão de elite. O local ainda resiste à ocupação malazana e é a joia cobiçada pela imperatriz Laseen, que não está disposta a estancar o derramamento de sangue enquanto não conquistá-lo. Porém, em pouco tempo fica claro que essa não será uma campanha militar comum: na Cidade do Fogo Azul não está em jogo apenas o futuro do Império Malazano, mas estão envolvidos também deuses ancestrais, criaturas das sombras e uma magia de poder inimaginável. Em Jardins da lua, Steven Erikson nos apresenta um universo com­plexo de cenários estonteantes e ações vertiginosas que mostram por que esta é considerada uma das maiores sagas épicas. - Número de páginas: 608. - Lançamento: 13/03/2017. 

E se tudo o que você sempre pensou saber a respeito das árvores estivesse errado? E se, apesar de tão diferentes de nós, descobríssemos que elas compartilham diversas características dos humanos? Nos últimos anos a ciência tem comprovado que as árvores e o homem têm muito mais em comum do que poderíamos imaginar. Assim como nós, elas se comunicam, mantêm relacionamentos, formam famílias, cuidam dos doentes e dos filhos, têm memória, defendem-se de agressores e competem ferozmente com outras espécies – às vezes, até com outras árvores da mesma espécie. Algumas são naturalmente solitárias, enquanto outras só conseguem viver plenamente se fizerem parte de uma comunidade. E, assim como nós, cada uma se adapta melhor a determinado ambiente. Em A vida secreta das árvores, o engenheiro florestal alemão Peter Wohlleben alia seus 20 anos de experiência às últimas descobertas científicas para examinar o dia a dia desses seres fantásticos. Com um ponto de vista surpreendente e inovador, o livro se tornou um fenômeno na Alemanha, entrou para a lista de mais vendidos do The New York Times e teve seus direitos negociados para 18 países. Essa viagem fascinante pela vida das árvores e florestas é um convite a repensarmos nossa relação com a natureza. - Número de páginas: 224. - Lançamento: 13/03/2017. 

“Meu câncer é sistêmico e incurável, mas estou vivendo com ele. Na verdade, estou me fortalecendo com ele. Se eu considerar as estatísticas, as previsões e as probabilidades, sou um caso perdido. Mas prefiro não fazer isso. Opto por entender a doença sem me entregar a ela, me resignar sem sucumbir, gritar meu nome do alto das estatísticas antes que minha identidade seja soterrada no frio anonimato dos números. Dedico os dias, as horas e os minutos a prolongar a vida, com a inabalável intenção de criar minha filha até ela se tornar adulta, de envelhecer com meu amado marido e de fazer a diferença que gosto de pensar que vim ao mundo fazer. Não tenho qualificação para ajudar você a superar o seu problema. Mas sou qualificada para ajudá-lo a superar o seu condicionamento, o que acredito também ser essencial para o processo de cura. Posso mostrar-lhe como ficar bem, mesmo quando estiver se sentindo mal, e como resolver as questões emocionais que podem ter contribuído para a sua doença. Espero que esta leitura o inspire a sentir a vibração da vulnerabilidade, a energia do propósito e a maravilha de forjar o seu próprio caminho pela floresta densa e escura que às vezes parece não oferecer trégua ou escape. Torço, principalmente, para que você perceba que o câncer tem algo a ensinar; basta saber como ouvir o que ele está tentando dizer.” - Número de páginas: 224. - Lançamento: 13/03/2017. 

Psicóloga experiente, Gabriela sempre tratou a religião como crendice ou truque da mente. Quando sua mãe fica doente, ela acaba se aproximando do capelão do hospital, padre José, mais em busca de apoio do que por uma questão de fé. Após o falecimento da mãe, Gabriela mantém contato com o sacerdote, confortável pelo fato de ele não procurar convertê-la. Porém, depois de pouco mais de um mês, a psicóloga tem uma notícia devastadora: uma grave doença se alastra por seu corpo. Como lidar com a mente dos pacientes se a sua própria já não parece funcionar mais? Ao revelar o caso a padre José, Gabriela recebe um conselho: viajar para Lourdes, uma cidade famosa pelos milagres de cura. Mesmo sem a mínima confiança e determinação, ela decide partir em peregrinação para lá. É nessa jornada que Gabriela começa a relembrar toda a sua vida desde a infância, e assim emergem muitas questões filosóficas e existenciais. Sem saber o que a aguarda na Europa, ela sente que uma presença poderosa a acompanha e que, talvez, lá possa encontrar as respostas para as dúvidas que lhe afligem a alma. No primeiro livro de sua trilogia de ficção dedicada a Nossa Senhora, Pedro Siqueira mantém a escrita próxima do leitor sem deixar de lado assuntos profundos da espiritualidade, mas sempre mostrando que o melhor caminho está no nosso interior. - Número de páginas: 208. - Lançamento: 13/03/2017. 

Durante a Segunda Guerra Mundial, uma esquadrilha da Força Aérea dos Estados Unidos não consegue completar uma missão na Itália devido a um fenômeno inexplicável. Quando sobrevoam o monte Gargano, os militares têm uma visão sobrenatural que os aterroriza e os faz voltar para a base. O que poderia ser apenas um ataque militar frustrado acaba se tornando o ponto de partida para a conversão de dois oficiais. Curiosos para desvendar o misterioso evento, Connors e Bloom vão até um convento na cidade de San Giovanni Rotondo, onde pode estar a resposta para suas dúvidas. Muitos anos depois, no leito do hospital, Connors sente que ainda precisa completar a missão de dar um rumo à vida do filho, Rafael, e lhe entrega um envelope, pedindo que o abra após sua morte. Quando é chegada a hora, o rapaz se depara com um bilhete contendo o último pedido de Connors: ele deve partir para uma cidade desconhecida à procura do que o pai chama de “verdadeiro caminho”. Essa viagem permitirá que o jovem relembre todas as fabulosas histórias do pai e inicie uma jornada de autoconhecimento, abalando seus conceitos sobre a vida, a fé e o amor. No segundo livro da trilogia iniciada com Senhora das águas, Pedro Siqueira constrói mais uma história tocante sobre a busca pela espiritualidade, retomando sua forte conexão com Nossa Senhora. - Número de páginas: 256. - Lançamento: 13/03/2017. 
 
Nate está arrasando! Nate está apaixonado pela aluna nova. Mas depois que a briga dele com Andy ganhou as páginas do Clarim Semanal, ele arrumou um problema BEM maior do que o castigo depois da aula! Será que Nate vai dar a volta por cima? E será que a Taça de Lama anual vai ser um estouro... ou uma bomba? Conheça a nova história do Nate, o desenhista MAIS legal da Escola 38 e o aluno MENOS querido pelos professores. - Número de páginas: 224. - Lançamento: 13/03/2017. 



Diante das discussões cada vez mais absurdas nas redes sociais, Ali Almossawi resolveu resgatar uma dose – necessária e urgente – de lógica para a era da internet. O resultado é este livro acessível, que explica, com divertidas ilustrações, as 19 principais falácias que tornam insustentáveis tantos argumentos e debates. Você aprenderá a reconhecer frequentes abusos da razão, como a falácia do espantalho (em que se deturpa o argumento do outro para poder atacá-lo com mais facilidade), o apelo a uma autoridade irrelevante e a bola de neve (em que uma proposição é desacreditada sob a alegação de que levará inevitavelmente a uma sequência de eventos indesejáveis). Os desenhos mostram animais cometendo erros de argumentação. O coelho acha que uma estranha luz no céu só pode ser um disco voador porque ninguém consegue provar o contrário (apelo à ignorância). O leão não acredita que a emissão de gases do gado prejudica o planeta porque, se isso fosse mesmo verdade e tivéssemos que eliminar as vacas, ele teria que comer grama, um resultado altamente indesejável (argumento a partir das consequências). Assim, ficará mais fácil escapar das armadilhas da lógica que se espalham por todos os lugares, dos debates no Congresso aos comentários no Facebook. Indispensável para qualquer pessoa que cultive o hábito de ter uma opinião, este livro é um antídoto contra raciocínios fracos. - Número de páginas: 64. - Lançamento: 16/03/2017.
Continue Lendo

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Resenha Ao Seu Encontro de Abbi Glines.


Título: Ao Seu Encontro.
Série: Rosemary Beach # 11.
Autora: Abbi Glines.
Editora: Arqueiro.
Número de páginas: 224.
Ano de lançamento: 2017.
Cortesia da editora.

Sinopse:
Há apenas alguns meses, um encontro inesperado numa casa em Rosemary Beach se transformou num romance de conto de fadas. Agora Reese está prestes a ir morar com Mase na fazenda dele, no Texas. Com o apoio e o amor da família do namorado e a recente descoberta de que ela mesma tem uma família com a qual contar, Reese pode enfim superar os horrores do passado e se concentrar no futuro promissor que a aguarda. No entanto, no que depender de Aida, isso não vai acontecer. A beldade loura e Mase foram criados como primos, mas logo fica claro para Reese que o amor da jovem por ele está muito longe do que se deveria ter por um parente. Ao mesmo tempo que Reese tenta entender a relação dos dois e não se sentir ameaçada, entra em cena Capitão, um estranho que parece estar, convenientemente, em todos os lugares que ela frequenta. Bonito, sensual, misterioso e dono de uma franqueza desconcertante, ele não tem medo de dizer o que pensa de Mase - nem como se sente a respeito de Reese. Enquanto a competição pelo coração de Mase e de Reese esquenta cada vez mais, algumas perguntas em relação ao passado dela começam a ser enfim respondidas, revelando verdades chocantes que vão mudar para sempre a vida do casal. Em Ao Seu Encontro, Abbi Glines conclui a história que começou em À Sua Espera. Com a escrita romântica e voluptuosa que a consagrou, ela constrói mais uma narrativa envolvente, com personagens que vão mexer com as nossas emoções até o final.

Opinião:

Ao Seu Encontro é o livro décimo primeiro da saga Rosemary Beach, mas obrigatoriamente você só tem que ler a obra À Sua Espera antes de ler esse.

O livro À Sua Espera terminou quando o pai de Reese chegava na porta da casa desta. O pai que ela nunca havia conhecido. Isso me levou a imaginar que nessa obra exploraríamos mais a relação dela com o genitor, mas não foi isso que aconteceu.

Quando o livro começa você já vê que o foco principal vai continuar sendo o romance dela com Mase. Resse se muda para a fazenda dele no Texas. Logo na chegada ela conhece Aida, prima de Mase, mas que parece ter interesse romântico nele e que trata Resse muito mal. Também conhecemos os proprietários da fazenda vizinha e Capitão, irmão de Blaire e contratado da família vizinha. 

Assim começa o desenrolar da história que conta com Aida dando em cima de Mase e Capitão de Reese, enquanto expõe para essa as falhas de Mase.

Seria mentira se eu dissesse que não estava esperando mais. Quando o pai de Reese apareceu na porta pensei que o mundo de felizes para sempre iria ser abalado, pois Reese ia querer conhecer mais o pai. Contudo, esta só passa uma temporada com ele antes da obra começar e faz uma visita no decorrer do livro. Tudo é encarado muito bem para uma garota que foi abandonada e estuprada pelo padrasto.

Isso não quer dizer que o livro seja ruim, pois não é. Li ele rapidamente como a maioria dos livros da Abbi e ela consegue te envolver no romance deles. Também inovou ao trazer um assassino profissional para sua obra e consequentemente para Rosemary Beach.

Agora tenho uma ressalva para fazer. Imagine: você está louca por um emprego, para não ficar só em casa e dar seguimento a sua vida. Quando você consegue, assim que sua chefe saí, o que você pensa em fazer? Foder com seu namorado na sala para apagar as memórias que você não gosta do ambiente! Sério, achei isso absurdo e extremamente imaturo.

Também encontraremos personagens antigos no decorrer da obra e teremos mais sobre a história de Kiro. Fiquei feliz quando li a notícia de que a autora vai escrever um livro com todos os personagens juntos. Isso é bom, pois o que sempre passou como o centro da série é a amizade.

Por fim, digo que Abbi inova muito pouco (principalmente nas cenas de sexo nas quais parece que todos personagens tem a mesma personalidade), mas cria romances gostosos de se ler, dentro dos clichês esperados.

A capa está bonita e não sei se invejo mais a cintura ou o cabelo da modelo, haha. Encontrei somente um erro de digitação que ao invés de escreverem Aida escreveram Ainda. Tinha anotado a página no momento da leitura para avisar a editora, mas infelizmente meu celular foi roubado e a anotação se foi junto. :(



O olhar dele me aqueceu, por dentro e por fora. Deitei a cabeça em seu peito e o sono veio rápido.

Reese não perguntou mais nada, mas pude notar que sua mente estava a mil. Ela estava tentando juntar tudo de modo a fazer sentido. O problema era que nada fazia sentido neste lado da minha família. Kiro havia ferrado com tudo anos atrás. Harlow e a filha dela eram as únicas pessoas que me interessavam nessa parte da família. E Grant, às vezes. Ele havia se mostrado digno da minha irmã, mas eu ainda estava de olho nele. Eu o mataria se ele a magoasse.

- Preciso buscar minha neta e ver se consigo afastá-la de Grant por tempo suficiente para levá-la lá dentro para ver Emmy - disse ele, e então sumiu.

Apesar de Reese ter dito tudo sorrindo, havia uma tristeza em seus olhos que fez com que eu me sentisse impotente. Então ela se esticou e se virou de lado, encerrando nossa conversa. Eu tinha estragado tudo.

Mase cantou com um olhar tão intenso que me agarrei ainda mais a ele e rezei para que aquele momento nunca acabasse. Só nós dois ali, juntos, e Mase cantando para mim. Foi uma noite perfeita.   

 
Clique na imagem para aumentá-la.
Continue Lendo